Revista brasileira e a campanha: Volta Beatles (Anos 70)

O portal Canal dos Beatles fez um belo resgate: Eles encontraram uma publicação da revista Geração Pop que anunciava o papel de Ringo Star como um juiz de reconciliação. Na época corria o boato de um possível retorno do quarteto mais amado do mundo.

Ao que tudo indica, isso nunca passou de uma bela fofoca que teve repercussão mundial, mas rendeu muito papo e esquentou o coração de muito beatlemaníaco por todos os continentes.

Um pouco da Geração Pop:

Hoje o acesso às informações e curiosidades é muito fácil e rápido. Mas se há uns 15 anos era uma difícil tarefa pesquisar seus ídolos, ter as letras das músicas, imagina nos anos 70!

Por isso, a revista Geração Pop, da Editora Abril, teve um importante papel em toda uma geração. Suas publicações eram aguardadas com muita ansiedade. A Revista foi veiculada entre os anos 1972 e 1979. Nesse período ela embarcou na euforia de uma possível retomada dos Beatles. Mostramos aqui pra vocês o material produzido por eles:

 

 

 

Revista Geração Pop, junho de 74:

RINGO, O PACIFICADOR

Ele está trazendo os Beatles de volta

Tudo começou com “Ringo”, um álbum da pesada que reuniu Paul McCartney, George Harrison e John Lennon. Depois, todos os LPs do grupo foram relançados no mundo todo. E agora depois de quatro anos de separação, eles voltam a cantar juntos, num supershow em Montreal, no Canadá.

Primeiro de julho vai ser um grande dia para música pop. É que em Montreal, no Canadá, os Beatles voltam a cantar juntos, pela primeira vez desde que o conjunto se dissolveu há quatro anos.

Não será uma volta definitiva, porque John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr não vão abandonar suas carreiras individuais. Mas eles vão gravar novos discos e John e Paul voltarão a escrever outras canções geniais. E tudo isso vai ser possível graças a Ringo, porque a nova reunião dos Beatles começou com a participação deles no seu último disco.  Além disso houve a separação de John e Yoko (que era quem mais se opunha à volta de John ao conjunto) e agora Paul já pode entrar nos EUA (onde havia um processo contra ele por causa de drogas). Mas os quatro continuam com seus próprios planos. George e Ringo vão fazer uma excursão pelos EUA, com Eric Clapton e Leon Russell. Paul está acabando de produzir o primeiro LP de seu irmão, Mike McGear, e reformulando o som dos Wings. E John já começou a gravar (na Apple) um novo LP com rocks antigos, todos da pesada.

 

Comente aqui