Fatos e Canções para Celebrar o Rock de Fats Domino!

No dia 24 de outubro de 2017 o mundo da música recebeu uma triste notícia: foi a partida de um dos pioneiros do Rock Fats Domino.

Um nome que merece nossa homenagem e reconhecimento, apesar de não ser tão lembrado quanto outros, mas que exerceu um papel importante no nascimento e na defesa do Rock n’ Roll.

Fats é contemporâneo de Chuck Berry e Jerry Lee Lewis, e juntos são a tríplice aliança da origem do Rock and Roll. Ele é dono do incrível feito de 11 hits entre as “10 músicas mais vendidas” do país entre 1955 e 1960.

Fats Domino faleceu aos 89 anos, em Louisiana, Estados Unidos.

Suas canções tornaram-se clássicos do rock, rendendo covers de vários outros astros do rock que surgiram depois, como Led Zeppelin, Cheap Trick, Randy Newman, Ricky Nelson e John Lennon. Lennon, que recriou “Ain’t That a Shame” (originalmente chamada “Ain’t It a Shame” nas gravações de Domino) no disco Rock & Roll (1975), disse que a música tinha um significado especial para ele: foi a primeira faixa que quis aprender a tocar na vida, em um violão comprado para ele pela finada mãe.

Fats teve nove singles que renderam mais de 500 mil cópias, apesar de não ter chegado ao primeiro lugar da parada de pop (Os motivos são discutíveis). Ele não foi uma figura ultra popular como Presley ou Lewis, se casou aos 20 anos, e era notoriamente um rapaz caseiro que eventualmente viria a ter oito filhos (os nomes de todos eles começam com a letra “A”).

No ano de 1968 Paul McCartney escreveu “Lady Madonna” com Domino em mente – e o homenageado até gravou a própria versão da faixa naquele mesmo ano. Nas gravações de Domino, para garantir que os baixos pudessem ser ouvidos por trás do poderoso piano dele, Bartholomew costumava dobrar os baixos e guitarras – uma técnica que depois viria a ser usada por Phil Spector para desenvolver a fórmula de gravação Wall of Sound.

Em 2005, Fats voltou ao noticiário depois que teve a casa destruída durante o Furacão Katrina.  No furacão, ele perdeu a maioria das posses, incluindo todas as placas de discos de ouro. Destrastoso como foi, o Katrina deu uma nova vida a Domino. Alive and Kickin’, um novo álbum lançado um ano depois de furacão, tornou-se um dos mais aclamados trabalhos dele.

 

Comente aqui