Vendas de Discos de Vinil Supera Formatos Digitais na Grã-Bretanha

Na Grã-Bretanha as vendas de discos de vinil superou os downloads de música pela primeira vez na história. Os Lps faturam um montante de US $ 3,02 milhões contra US $ 2,6 milhões em downloads.

Segundo a Entertainment Retailers Association da Grã-Bretanha, o aumento pode ser devido à temporada de compras de Natal e um número crescente de varejistas britânicos que estão disponibilizando espaços nas prateleiras para os discos de vinil.

“Esta é mais uma prova da capacidade dos fãs de música para nos surpreender a todos”, disse o chefe da ERA Kim Bayley em um comunicado, que foi relatado pelo jornal britânico, The Independent.

“Poucos teriam previsto que uma mídia inventada 1948, baseada em estampar um sulco em um pedaço de plástico, voltaria a tona em 2016”, informou o Independent.

As vendas de vinil têm crescido 10% ao ano, mas ainda ocupam um nicho. Para o primeiro semestre de 2016, as vendas de vinil foram de US $ 207 milhões, ou cerca de 6% da receita de US $ 3,4 bilhões para a indústria de música fonográfica dos EUA. Os downloads digitais para singles e álbuns durante o mesmo período foram mais de US $ 1 bilhão. Streaming representou quase metade da receita durante o primeiro semestre deste ano.

Como muitos outros segmentos de mercado como, jornais, filmes, lojas de varejo, viagens, televisão, a economia da indústria fonográfica foi transformada pela era digital. A volta da mídia física é uma das maiores surpresas para o segmento.

Via: The Washington Post

Comente aqui